segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Que pena...

Que pena a gente não poder medir as consequências de um desabafo... escrevi o que pensava e acabei gerando um série de complicações... quero, contudo, lembrar que não retiro nada do que eu disse, minha opinião sobre o assunto continua a mesma, porém...
Que pena que acabei atingindo e chateando alguém que não tem nada a ver com o que aconteceu, sequer estava presente na festa, mas assim mesmo sentiu respingos da raiva que causei com as verdades que escrevi...
Que pena se eu não puder cultivar essa amizade que desde o início me passou uma energia boa, uma mente criativa e um coração sensível e artista... talvez essa sensibilidade estivesse aflorada ou o quadro lhe foi pintado com mais horror do que o real... não sei, mas acho uma pena se findar assim uma relação que possivelmente traria bons frutos.
Que pena as minhas palavras terem causado desagrado a alguém que prezo, que admiro e principalmente a alguém que é o oposto das pessoas as quais eu me referi no texto...
Que pena ela não ter compreendido a minha intensão, que pena não ter visto e ouvido com os próprios olhos tudo o que aconteceu e que pena ter decidido se distanciar ...
Mas não posso me calar diante daquilo que acho errado! Que pena ter que ser assim, que pena!

Até a próxima...

0 comentários:

Postar um comentário

Faça aqui sua pesquisa

Minha foto
♣Tânia Yuri ♣
Atibaia, São Paulo, Brazil
❤ Mãe, filha, amiga, professora... ♀ MULHER ♀
Visualizar meu perfil completo